R REPORTAGEM

FMF É AUTÓNOMA NA ESCOLHA DO SELECCIONADOR

Votos do utilizador: 0 / 5

Estrela inativaEstrela inativaEstrela inativaEstrela inativaEstrela inativa
 

A não renovação pela Federação Moçambicana de Futebol (FMF), órgão máximo que rege a modalidade no país, do contrato do selecionador nacional Luís Gonçalves no comando dos Mambas mereceu no último sábado a reacção, pela primeira vez, do secretário de Estado dos Desportos, Carlos Gilberto Mendes, e fê-lo em Lichinga, onde desembarcou para uma visita de cerca de cinco dias à província do Niassa.

 

- “A Federação Moçambicana de Futebol é um órgão soberano da modalidade e toma as decisões que achar convenientes. Neste caso concreto decidiu não renovar o contrato com Luís Gonçalves porque acha que seleccionador não cumpriu com os objectivos constantes do seu projecto ao longo do seu mandato, que passava pelo apuramento dos Mambas para o CAN que se disputa próximo ano nos Camarões”, disse Gilberto Mendes.

- “A Federação Moçambicana de Futebol é um órgão soberano da modalidade e toma as decisões que achar convenientes. Neste caso concreto decidiu não renovar o contrato com Luís Gonçalves porque acha que seleccionador não cumpriu com os objectivos constantes do seu projecto ao longo do seu mandato, que passava pelo apuramento dos Mambas para o CAN que se disputa próximo ano nos Camarões”, disse Gilberto Mendes.

Por: CARLOS TEMBE

Publicidade
UBI-interactivo-MREC 1 (2)

Director: Almiro Santos
Chefes da Redacção:
Reginaldo Cumbana e Gil Carvalho

Desafio é um Jornal desportivo, produto da Sociedade do Notícias.

O Jornal esta disponível em formato físico impresso, o mesmo pode ser lido em formato electrónico.

Play Store

AppStore

SNLogo2

Propriedade da Sociedade do
Notícias, SARL
Direcção, Redacção e Oficinas
Rua Joe Slovo, 55 • Cx.Postal 327
E-mail: Este endereço de email está protegido contra piratas. Necessita ativar o JavaScript para o visualizar.
( Tel's: 21320119 / 21320120 )
Topo
Baixo