Os dias de felicidade pela conquista do Moçambola-2012

Votos do utilizador: 0 / 5

Estrela inativaEstrela inativaEstrela inativaEstrela inativaEstrela inativa

Os dias de felicidade pela conquista do Moçambola-2012 duraram pouco no Clube de Desportos da Maxaquene para que, agora, ainda antes que essa façanha completasse um mês de ocorrência o emblema tricolor já estivesse em profunda crise.

Na passada segunda-feira, 26 de Novembro, precisamente 22 dias da equipa principal de futebol ter derrotado o Têxtil de Púnguè, na 24ª jornada, por 1-0 e consequentemente conquistar virtualmente o título de campeão nacional, presidente José Solomone Cossa pediu demissão do cargo que ocupava.

A juntar-se a esta situação estão questões de índole administrativas relacionadas, em primeiro lugar, com a própria equipa principal de futebol, mormente ainda não clarificadas e que, por isso, abrem espaço para grandes dúvidas sobre a performance que os campeões nacionais terão no próximo ano, quer nas provas internas assim como nas eliminatórias da Liga dos Campeões Africanos.

Mas, para melhor perceber o que está a acontecer no Maxaquene, vamos em partes.

 

Publicidade

Director: Almiro Santos
Chefes da Redacção:
Reginaldo Cumbana e Gil Carvalho

Desafio é um Jornal desportivo, produto da Sociedade do Notícias.

O Jornal esta disponível em formato físico impresso, o mesmo pode ser lido em formato electrónico.

Play Store

AppStore

SNLogo2

Propriedade da Sociedade do
Notícias, SARL
Direcção, Redacção e Oficinas
Rua Joe Slovo, 55 • Cx.Postal 327
E-mail: Este endereço de email está protegido contra piratas. Necessita ativar o JavaScript para o visualizar.
( Tel's: 21320119 / 21320120 )
Topo
Baixo